Inflação: A Revanche

31 de agosto de 2012

Deficit 101

Eu já havia mencionado anteriormente, que na língua inglesa, o número 101, indica o mais elementar sobre um assunto . Hoje vou discorrer sobre as receitas e despesas do Governo americano, Deficit 101.

Abaixo encontram-se os gráficos das receitas e despesas em relação ao PIB nos últimos 40 anos. Como em todo bom Governo as despesas nunca caíram abaixo de 20% e ultimamente encontram-se nos níveis mais elevados, em contra partida as receitas, diferentemente do Brasil, sempre ficaram contidas nos 20% e recentemente estão nos níveis mais baixos, razão do elevado deficit público.



Nos itens de despesa, vejamos o que ocorreu com defesa, benefícios e outros. No gráfico abaixo, cada uma delas está representada em relação ao PIB, e as linhas horizontais são as médias históricas. A defesa atualmente está exatamente na média, bem como as outras despesas, o que está bem acima são as despesas relativas aos benefícios, e conforme a população envelhece esta rubrica se tornará ainda mais dominante.


É interessante analisar de onde vieram as distorções, relativamente ao que foi projetado no orçamento enviado ao Congresso em 2001 (CBO).

Com uma simples avaliação destes números, é óbvio que para que a solvência retorne ao equilíbrio de longo prazo será necessário aumento de impostos, corte nas despesas de defesa e reforma no sistema de benefícios. Será que qualquer dos candidatos terá coragem e apoio, para propor algo assim, ou será preciso, ressuscitar o inesquecível presidente John Kennedy? 


O Presidente do FED Ben Bernanke, no discurso de hoje em Jackson Hole,  fez uma avaliação sobre os helicópteros usados no passado e concluiu que os benefícios foram maiores que os custos, disse também que está insatisfeito com a performance do mercado de trabalho, e que se a atividade não melhorar, vai colocar os helicópteros em ação. Os analistas acreditam que se os dados de emprego, que serão publicados na próxima sexta-feira decepcionarem, o FED vai agir na reunião dos dias 12/13 de Setembro, caso contrário vão esperar. Os mercados reagiram com animação, pois continuam com a garantia que tudo será feito para gerar crescimento. As estrelas do dia foram os pop stars, ouro e prata, que subiram 2% e 4% respectivamente. Em função destas reações aguardem para este final de semana, o post Good News.

o SP500 fechou a 1.406 com alta de 0,51%; o real a R$ 2,0291 com baixa de 0,98%; o euro a 1,2582 com alta de 0,61% e o ouro a U$ 1.691 com alta 2,14%.
Fique ligado!
COOL









30 de agosto de 2012

China volta a cena


Ultimamente eu venho alertando sobre os sinais negativos vindos da China, nos posts perigo e big-surprise!. Vocês devem ter notado também que já faz um bom tempo que os Chineses estão quietos, e esta é uma característica dos orientais quando o assunto não é de seu interesse. Mas ultimamente a situação da Europa está tendo impacto na China.

Ontem Primeiro-ministro Wen Jibao encontrou-se com Ângela Merkel e disse que a Espanha, Itália e Grécia devem tomar medidas para evitar um agravamento da crise do euro. “As principais preocupações são duas: A primeira é se a Grécia vai deixar a zona do euro; a segunda é se a Itália e a Espanha tomarão mediadas de resgate de suas economias.”

Nas próximos semanas, existem duas decisões importantes na região: 1) A votação dos Holandeses; e 2) E se o judiciário na Alemanha considera legais as medidas propostas, como consequência o Premier Wen disse: “A China está disposta, com a condição de avaliar plenamente os riscos, de continuar a investir na zona do euro”.

Os analistas ficaram confusos para interpretar as palavras do Premier Chinês, mas em minha modesta opinião, ele quis transmitir que está muito preocupado e que espera ação dos europeus, colocando todo o peso das medidas no Club Med. Não falou nada da Alemanha, talvez por educação, mas o fato de ir conversar com a Merkel diz tudo, quer que ela resolva!

Em resposta aos jornalistas, Wen disse que após a reunião ficou mais otimista, mas que as implementações das medidas não serão tranquilas. Já Merkel agradeceu a confiança da China em manter-se confiante na moeda comum e reforçou vontade política absoluta em tornar o euro uma moeda estável novamente (novamente?).

As exportações da China para Europa, que é hoje o seu maior mercado, caíram significativamente e estão afetando o crescimento deste país. A China vem adotando de longa data a política “ Casas Bahia”, vendem e financiam, mas querem receber e ultimamente este risco tem aumentado. A demora na solução deste imbróglio deve estar tirando o sono de Wen, pois a China tem que crescer a qualquer custo, para não ter problemas sociais, e eles dependem mais do que nunca das exportações, pois diferentemente do que o mercado espera, a elevação do consumo interno é algo, que se acontecer, será no longo, longo prazo.
Como se diz: O relógio está tick, tack, tick, tack!

O SP500 estava(*) a 1.402 com baixa de 0,53%; o real R$ 2,0455 com baixa de 0,20%; o euro a 1,2513 com baixa de 0,13% e o ouro a U$ 1.565 sem variação.
(*) as 16:45hs.
Fique ligado!


29 de agosto de 2012

Real: Crossroad


Provavelmente todos já se viram numa situação onde não soube qual caminho seguir. Normalmente estes casos acontecem nas estradas, e as vezes por falta de sinalização, vem a dúvida, vou a direita ou a esquerda? Como resolver? Ligue seu celular e consulte o Google! Hahahaha ....

Para a cotação do real, o Google não vai funcionar. O que vem acontecendo nos últimos meses é que quando se aproxima do número “mágico” de R$ 2,00, vem o BC e atua comprando dólares, quando vai no sentido inverso e se aproxima de R$ 2,05, vem os estrangeiros e vendem dólares para diversos fins, afinal o mercado espera os helicópteros do Bernanke para breve. No gráfico abaixo, fica claro os movimentos descritos.

- David, já entendi, vamos vender a R$2,05 e comprar a R$2,00, é bater em morto.
É verdade que funcionou, e como proteção poderia-se colocar um stop curto, mas o intervalo é muito pequeno, e não é o objetivo do blog. Eu não gosto deste tipo de trade, você ganha pouco e pode perder muito, por exemplo numa mudança durante a noite, ou num final de semana.

Nós temos um trade aguardando a complementação trade-23082012, e desde a sua publicação a cotação só subiu, mas eu não vou alterar, pois em correções complexas você imagina uma formação e acontece outra, tem que ser paciente. Meu viés é de comprar o dólar, mas não a qualquer preço, por enquanto. Pode ser até, que vamos comprar numa cotação mais elevada, mas só com confirmações melhores. Por enquanto assista o ping pong, e aguarde até nosso trade ser executado.

O SP500 fechou a 1.410 sem variação; o real a R$ 2,0495 com alta de 0,29%; o euro a 1,2524 com baixa de 0,29%; e o ouro a U$ 1.658 com baixa de 0,43%.
Fique ligado!


28 de agosto de 2012

História dos regimes cambiais


Este trabalho sobre os vários regimes cambiais é bastante ilustrativo, como é produzido em ordem cronológica achei melhor anexar o link history-of-exchange-rates, para melhor visualização cliquem na figura .
Espero que vocês gostem.
Fique ligado!

SP500: Aguentando o peso


Nas últimas olimpíadas, o atleta da Guatemala Christian López ficou em sétimo lugar, mas suas caretas foram memoráveis. É desta forma que eu vejo o desempenho do SP500 durante este ano, não faltaram más notícias de todos os lados, situação na Europa, possibilidade de recessão nos USA, riscos geopolíticos e etc.. E ele bravamente aguentou estes desaforos e continuou seu movimento ascendente.

Eu já mencionei algumas vezes sobre o VIX, que é o indicador de volatilidade da bolsa americana, quando a situação está calma tende a ficar baixo. Vejam a seguir uma comparação entre este indicador e o índice da bolsa.


Está nos níveis históricos mais baixos e como as indicações em vermelho apontam, estas situações precedem movimentos de queda em seguida.

- David, e daí? Nós já temos posição e nada aconteceu.
Do ponto de vista técnico, o índice está testando alguns pontos importantes e até o momento, não deu uma indicação clara para onde vai. Eu espero uma queda, embora existe a chance de uma pequena alta antes de cair mais expressivamente. Não vou alterar meu stoploss ainda, pois como apontado no gráfico abaixo com a linha em vermelho, neste caminho alternativo pelo menos uma pequena queda deveria ocorrer antes.



Meu único problema agora é com quem eu vou combinar; com os Russos? Chineses? Ou com os comprados? Hahahahahahah...

O SP500 fechou a 1.409 sem alteração; o real a R$ 2,0430 com alta de 0,45%; o euro a 1,2569 com alta de 0,58%; e o ouro a U$ 1.667 com alta de 0,17%.
Fique ligado!






Happy Anniversary


Há um ano que o acertar na mosca está no ar, e fico satisfeito com as estatísticas que vou apresentar a seguir. Neste período, o blog teve várias evoluções: Conteúdo mais estratificado; o visual, segundo minha esposa, ficou mais Chic; e melhorias no português.

Foram publicados 370 posts, dos quais os mais lidos foram: 1º- faltam-12-dias (221); 2º- $-não-é-capim (161); e 3º- está-na-hora-de-procurar-outra-vaca (64).


O mosca, como é conhecido popularmente, teve 20.000 vistas, com uma distribuição geográfica conforme a tabela abaixo. Surpreendentemente 40% das consultas foram feitas no exterior, onde predominou os Estados Unidos.






Quanto aos trades, os resultados podem ser vistos na tabela abaixo. Como eu havia alertado, este ano foi, e está sendo muito difícil, não foi por menos que criei o Lema DFPH.


Meu feed back vem da quantidade de consultas, assim avalio se o conteúdo está agradando. Meu meio de divulgação é o Facebook e LinkedIn. Se vocês estão satisfeitos, peço que divulguem a seus amigos.

O blog tem uma facilidade de recebimento automático por  email. Para se cadastrar, no final do site tem um local como a ilustração abaixo, basta seguir passo à passo, a partir daí, todos os dias pela manhã receberá o conteúdo escrito no dia anterior.


Obrigado pela confiança!








27 de agosto de 2012

Perigo!


Hoje acordamos com uma nova queda da bolsa Chinesa, como vocês podem verificar no gráfico abaixo, ela está se aproximando perigosamente do nível mínimo atingido em 2.010. Do ponto de vista técnico, estes momentos indicam cautela, pois caso comece a negociar abaixo destes pontos, os investidores tendem a efetuar pesadas vendas, e o próximo ponto seria a mínima atingida em 2.009, durante a crise. Vários posts que publiquei vem externando minha preocupação sem que eu tenha uma explicação muito boa, entretanto um analista muito respeitado, e conhecedor da China pela sua própria origem Andie Xie, escreveu um relatório que resumo a seguir.


...O excesso de capacidade é elevado na maioria das indústrias e os governos locais exercem pressão sobre as empresas para continuar a produção e sustentar o crescimento econômico, mesmo à custa de realizar prejuízos. Estes governos se quiserem sustentar estes níveis de produção tem que arrumar empréstimos bancários. Os estoques estão elevados e as Indústrias de carvão, de aço e de automóveis são exemplos, as liquidações destes estoques originam uma queda de preços, e esta situação entra num ciclo vicioso...

...No mercado imobiliário a situação é ainda pior, em minha opinião em algumas cidades os preços dos terrenos podem cair até 80%, às consequências financeiras pode ser severa, a maioria dos empréstimos bancários são direta ou indiretamente para este setor. Os governos locais aumentaram seus gastos durante os dias de euforia e terão tempos difíceis para se ajustar nestas novas expectativas de receita. Será a maior razão das instabilidades sociais mais adiante...

...A maioria das discussões sobre questões econômicas e sociais da China são similares a de outros países, o governo perdeu o foco... Problemas econômicos são originários de intervenção do governo no mercado, reformas reais devem envolver a mudança do papel do governo. Qualquer reforma que não objetiva sobre este ponto está fadada ao fracasso...

Sem ser um grande entendedor de China, e pelas notícias que temos conhecimento, a chance do governo abrir mão de seu controle, é como o Cruzeiro de Rondônia ser campeão do brasileirão no futebol!

O SP500 fechou a 1.410 sem alteração; o real a R$ 2,0335 com alta de 0,45%; o euro a 1,2496 com queda de 0,11% e o ouro a U$ 1.664 com queda de 0,31%.
Fique ligado!


24 de agosto de 2012

A paixão cega

- David espera ai, com este título o blog vai virar de auto-ajuda? Se for o caso me avisa que eu vou deletar o mosca!
Gostei, hoje você começou o post, isto significa que está atento, mas calma, deixa eu explicar.
Quem não tem paixões? Espero que todos, pois caso contrário, a vida não teria cor, mas junto com este sentimento vem o perigo da ilusão, isto acontece quando a realidade não condiz com nossas expectativas.
Existe outra situação, nos negócios, onde a paixão pode atrapalhar bastante. É quando tomamos uma decisão no passado e dado o sucesso, deixamos de acompanhar o investimento, ficamos "apaixonados" pela posição. Esta é uma atitude narcisista onde nos sentimos invencíveis, com os mesmos poderes que Deus, nada pode ameaçar sua brilhante posição, "vai até a morte".

Muito bem, é desta paixão que vou comentar hoje, e é dirigida a quem comprou títulos de renda fixa no passado, e como os juros caíram em todos os cantos do planeta, querem ficar abraçados até o fim. Se você é um destes, eu preparei alguns gráficos para sua avaliação.


 A linha azul representa a taxa de juros dos títulos Americanos desde os anos 60, a vermelha os juros do over night. A seguir a estrutura dos juros no Japão.


Como se pode notar, desde 98 os juros nos títulos de 10 anos situam-se entre 1% e 2% a.a.

Quais as diferenças entre eles? Primeiro que o Japão não é os USA, em consumo e atitudes da população; segundo que, quando o BOJ entrou neste processo, o resto do mundo tinha um crescimento saudável; e por último, e talvez mais importante, hoje todos os BCs do globo estão usando a mesma ferramenta para buscar crescimento: Helicópteros!

O que está a seu favor é o processo de desalavancagem, que ainda não terminou, mas o que está contra você são estas inúmeras intervenções nas moedas. Basta que, por exemplo, a confiança no dólar seja abalada, ou um presidente maluco seja eleito nos USA e declare guerra comercial, que o jogo vira em 24 horas. Vai acontecer? Não sei, e o mercado acha que não, senão os juros não estariam onde estão, mas o seu ganho é ínfimo em relação ao risco, e destas operações quero distância.

Vocês notaram também que nunca propus uma única operação neste ativo, as razões estão acima, mas aguardem que no futuro vou propor e acho pouco provável que seja na compra.
Não se convenceu? Eu avalio que estar apaixonadamente ligado a esta posição vai te dar pouco lucro e muito sofrimento, a não ser que imagine uma taxa negativa nestes títulos. É impossível? Não, mas se isto acontecer provavelmente você nem vai ler mais o acertar na mosca, pois já terá vendido seu computador para comer! Ahahahahah....
 Paixão, só com o bolso!

O SP500 fechou a 1.411 com alta de 0,64%; o real a R$ 2,023 sem alteração; o euro a 1,2509 com baixa de 0,41% e o ouro a U$ 1.669 sem alteração.
Fique ligado!

23 de agosto de 2012

Ouro: Hello!

Desde quarta-feira o ouro começou a dar sinais que iria sair do marasmo, no post ouro-zzzzzzz, tinha imaginado dois caminhos no curto prazo, e considerando o que lá foi colocado, os Indianos resolveram escolher a alternativa 2.

- David, espere um pouco, Indianos?
Ah, tem razão, como os Indianos adoram o metal, eu combinei com eles! Ahahahahah....

Daqui para frente, vou aguardar o ouro se aproximar do nível de U$ 1.700, e vamos tentar uma operação de venda.

- David, só vi você achar que o ouro vai cair.
É quase verdade, existem alguns poucos com a mesma opinião, mas é de longe a minoria. Como já comentei algumas vezes, pretendo comprar no nível de U$ 1.350, depois da queda apontada no gráfico acima. Mas posso estar errado, e vou começar a desconfiar, se ao invés de cair, subir  a U$ 1.800. Para jogar a toalha só acima de U$ 1.940, mas não vale a pena sofrer por antecipação.

Me desculpem pela informação errada postada ontem que o COPOM estaria se reunindo, na verdade  será na próxima quarta-feira.

O SP500 fechou a 1.4012 com baixa de 0,79%; o real a R$ 2,0247 com alta de 0,45%; o euro a 1,2558 com alta de 0,21% e o ouro a U$ 1.669 com alta de 0,95%.
Fique ligado!

CANCELAMENTO: TRADE 21082012


Estou cancelando o trade-21082012 do euro proposto alguns dias atrás, o motivo é que a moeda única não se retraiu ao nível que eu esperava, e está se aproximando de alguns pontos que podem sugerir que a alta vai terminar.
Como eu não gosto de ter posições em aberto nestas situações, prefiro cancelar, e caso mude de ideia posto novamente.

Fique ligado!

TRADE 23082012


Hoje minha proposta, como já havia antecipado é no real, veja no gráfico abaixo a estratégia.

Esta vendo o circulo em azul? Muito bem se eu estiver correto, acredito numa nova tentativa de testar o BC nos R$2,00, e é ai  vamos iniciar nosso trade. Pode ser que eu estou sendo "pão duro" mas eu gostaria mesmo de comprar à R$ 1,97.
Vou colocar o stoploss a R$1,92, pois se chegar até lá, alguma coisa mudou e prefiro reanalisar.

TRADE: 23082012
ATIVO: USDBRL
POSIÇÃO: COMPRA
PREÇO: R$ 2,0025 ( gostaram?)
STOPLOSS: R$ 1,92 
TARGET: R$ 2,15 ou superior.

Fique ligado!


22 de agosto de 2012

O Real vai acordar?

Ontem  o dólar se aproximou da cotação de R$ 2,00, o nosso BC prontamente entrou no mercado com operações objetivando sustentar o dólar. Os investidores entenderam o recado, e já assumem como certo que tudo será feito, para que a moeda não caia abaixo deste nível, ou como se costuma dizer, o BC deu uma put para o mercado. Isto significa que você pode comprar dólar tranquilo, que o BC deve comprar, se for abaixo daquela cotação. É o que parece, mas nenhuma garantia explícita.

Vários BCs adotaram políticas semelhantes, sendo que, o da China está a mais tempo. Ultimamente a Suíça fixou uma cotação mínima para o EURCHF em 1,20. Funciona? Só funciona se for temporário e se o que a autoridade pretende é atenuar a volatilidade por algum motivo externo. Mas no longo prazo, ficar com esta política é um suicídio, pois se a cotação estiver "errada", o mercado vai apostar contra o BC e ele, ou vai perder, ou vai criar um problema enorme em outras áreas, como o aumento do déficit público, inflação e etc... isto não é câmbio flutuante!

David, blá, blá, blá! Vai comprar ou não?
Depende, você não está mais acompanhando o blog? leia pelo menos os últimos sobre o assunto Europa-de-férias e real-está-na-hora-de-vender?. Vejamos o gráfico atualizado.

Como havia mencionado, o preço ao redor de R$ 1,97 seria ideal, mas eu tinha apontado também, que caso o BC atuasse, para que não caía abaixo de R$ 2,00, aceitaria R$ 2,01, o que aconteceu ontem.
Entre o que eu gostaria e o que é possível, vou optar pelo segundo, aguardem em breve um novo trade. Quero lembrar que o COPOM se reúne hoje, e o mercado espera um novo corte de 0,50%.

O SP500 fechou a 1.413 sem alteração; o real a R$ 2,0171 sem variação; o euro a 1,2516 com alta de 0,38% e o ouro a U$ 1.653 com alta de 1,01%.
Fique ligado!



21 de agosto de 2012

Robôs são uma ameaça?

A foto ao lado, não é filme de ficção científica, é da Tesla, localizada na Califórnia, uma joint venture entre a General Motors e a Toyota. Nesta fábrica os robôs executam quatro tarefas distintas, quando em outras somente uma.
Eles, os robôs, já são uma realidade e estão substituindo o trabalho humano em vários setores com inúmeras vantagens: Substituem operários especializados que custam caro, trabalham 24 horas por dia 7 dias por semana, maior precisão e etc...
Então será que o problema, para a baixa criação de emprego nos países desenvolvidos, é a China ou o aumento de produtividade?

Manufacturing jobs

O gráfico acima mostra claramente que o emprego na Indústria vem caindo consistentemente desde os anos 80, e se a tecnologia é o principal fator, o emprego na China e aqui no Brasil, deverá seguir o mesmo caminho. A grande dúvida é se os países emergentes terão condições de criar empregos na área de serviços, como aconteceu nos USA.

Manufacturing as a percent of all jobs

utilização de robôs em diversas áreas parece irreversível, a titulo de informação, vejam onde já estão operando na área de serviços: Diagnóstico do Câncer de mama, no Japão em desfiles de moda, comentários esportivos escritos por computadores, Wikipédia escrito por robôs e etc...

O Japão, hoje em dia, é o país mais avançado neste campo e a cada dia uma nova utilização é anunciada, isto está permitindo que algumas indústrias voltem para aquele país, ao invés de serem produzidos na China. 
Para ser sincero, este assunto me causa um certo receio, pois pode desestabilizar a já excessiva quantidade de pessoas que vivem no planeta, e quando penso no Brasil, e vejo a indústria em situação precária, o que vai acontecer como nossos trabalhadores?



Se as piscinas, com pleno emprego, ficam como a foto acima na China, imaginem se a moda dos robôs aterrizar lá, vai faltar boia! Ahahahahahah....


- Ah David entendi, você está com receio que o acertar na mosca, brevemente, será escrito por um robô? Ahahahahahah.....
Quem sabe! 

O SP500 fechou a  1413 com baixa de 0,35%; o real a R$ 2,0156 com baixa de 0,15%; o euro a 1,2468 com alta de 1,00% e o ouro a U$ 1.637 com alta de 1,06%.
Fique ligado!

TRADE 21082012


No post fênix desenvolvi o racional  do porque eu acreditava numa possível alta da moeda única. Pois bem hoje pela manhã ultrapassou dois pontos que considerava importantes: 1,24 e 1,245.
Como eu acredito numa alta ate 1,27/1,28 vou aguardar uma pequena retração para entrar no trade.


TRADE - 21082012
ATIVO - EURUSD
POSIÇÃO - COMPRA
PREÇO DE ENTRADA - 1,2415
STOPLOSS- 1,22
TARGET- 1,27/1,28

Lembrem que é um trade para tirar um "belisco"
Fique ligado!

20 de agosto de 2012

Big surprise!

Na vida, de tempos em tempos, surpresas acontecem. Algumas mais, outra menos previsíveis. Eu tive uma analista que marcou bastante a minha vida e numa determinada secção ela disse: A Maioria das vezes que você fica com raiva de alguém, é porque está com raiva de você mesmo. Esperava uma mudança desta pessoa, que não aconteceu. A partir deste dia avalio estas situações com mais cautela, para separar "torcida" da realidade.
Depois desta introdução, o que poderia ter me deixado tão surpreso? Era real minha expectativa ou torcida?
Se o motivo fosse o mensalão, pelos réus terem sido julgados como culpados, o título deveria estar em letras garrafais. Mas lógico que não é esse o caso, vejam o gráfico a seguir.


Ele já é um velho conhecido de vocês, pois já publiquei algumas vezes a comparação entre o índice da bolsa Chinesa - CSI 300 contra o SP500, e os motivos da performance horrível, do primeiro, é que os investidores estão retirando seus recursos da China, uma vez que não esperam mais uma valorização do Yuan, a moeda Chinesa, e que a economia está se desacelerando, sem que o BC Chinês mostre uma intenção de aumentar os estímulos, baixando os juros ou retirando os compulsórios. Mas desacelerar para 7% a 7,5% de crescimento é ruim? 

Sou obrigado a confessar que se a um ano atrás alguém me dissesse que este seria o cenário, onde o mundo ao invés de depender do crescimento da China, dependeria desta magra recuperação americana, eu esperaria ver o SP500 em queda também. Como não dá para negar a realidade, ou o que imagino ainda vai acontecer, ou a recuperação americana vai ganhar impulso daqui para frente. 

Ultimamente venho pensando nos efeitos da injeção de liquidez realizadas pelos vários BC, e admito que os investidores busquem alguma alternativa para seus recursos, pois depois de algum tempo recebendo nihil,  arriscam para obter algum ganho. Este movimento, agregado ao fato de nada muito grave ter acontecido, como a quebra de um banco, deu sustentação a esta alta.

Quando eu trabalhava na Planibanc, em um determinado momento, prevíamos que as taxas de juros fossem cair, por esta razão compramos títulos bancários. Mas os bancos se retraíram com exceção de um, que continuava vendendo. Embora fosse um banco grande, existiam alguns rumores de problemas, mesmo assim resolvemos comprar. Passados dois a três meses, um boato mais intenso sobre a saúde desta instituição ficou disseminada no mercado e decidimos nos desfazer destes títulos. Acontece que o único comprador era o próprio, a uma taxa escorchante, mesmo assim vendemos com prejuízo. Logo em seguida este banco sofreu intervenção. O que eu aprendi com esta situação é que jamais se deve investir em um ativo por falta de alternativa, desconfie!

O SP500 fechou a 1.417 sem variação; o real a R$ 2,0155 sem variação; o euro a 1,2346 com alta de 0,10% e o ouro a U$ 1.621 com alta de 0,36%.
Fique ligado!

17 de agosto de 2012

Fênix

Acredito que o euro pode estar encarnando a Fênix! Todo mundo acha que vai "virar pó", e quando isto é uma unanimidade, normalmente não acontece. Fora o acertar na mosca, você encontrou alguém que não recomenda vender? Seja honesto! Pois bem, eu estou desconfiado há um bom tempo que esta queda pode não acontecer agora, uma vez que tecnicamente não está num ponto confortável. Acredito que antes de cair mais forte, poderá recuperar um pouco pelo menos.
Coloco minha mão no fogo? NÃO, apenas para dar um belisco.

Se tivesse com um revolver na cabeça(*), compraria para um objetivo de +/- 1,28, se chegar lá vamos analisar se continua ou reverte, mas só depois de ultrapassar 1,24/1,245, o post euro-caixão ainda é valido.
(*) Este termo é muito usado no mercado para situações de duvida quanto a direção do ativo.
- David, Nem vou considerar sua previsão que continuaria até 1,28, mas vou te dar um voto de confiança, mas acima, só um louco pode achar isto!

Entendo sua indignação, olhando de hoje parece impossível, mas tecnicamente não posso descartar, e nem por isso estou sugerindo que vá acontecer, mas isto dá uma dimensão do perigo que é ficar vendido nos preços atuais.
Não vou fazer nada por enquanto, Ah e antes que eu me esqueça, neste caso específico, tem que combinar com os Gregos, mas não os atuais, que teriam um conflito de interesses, o da mitologia Grega, não vai ser fácil encontra-los! Ahahahahahah....

O SP500 estava a 1.417 com alta de 0,14%; o real a R$ 2,0150 com baixa de 0,19%; o euro a 1,2320 com baixa de 0,29% e o ouro a U$ 1.615 com alta de 0,10%.
(*) Todas as cotações foram coletadas as 16hs.
Fique ligado!


16 de agosto de 2012

Inflação? Aonde?

Vejam que maravilhoso este novo helicóptero que foi colocado à disposição do Bernanke, e parece que ele não está disposto a usar, pelo menos no curto prazo. Eu venho publicando as inúmeras investidas pelos BCs ao redor do mundo, que se utilizaram deste mecanismo para evitar uma recessão ou quem sabe, uma depressão. Com tudo isso, seria lógico esperar que a inflação se elevasse, afinal, quem é considerado primeira linha, nos dias atuais, vem praticando uma política "sem juros", literalmente zero.
Os terroristas de plantão, eu incluso, vêm anunciando que a inflação vai para as nuvens, mas os dados não apontam para isso, vejam o gráfico abaixo:


As linhas coloridas apresentam diversos índices de inflação nos USA, assim ninguém pode dizer que tem alguma manipulação. Como vocês podem constatar nos últimos 20 anos, ela tem ficado contida entre 1% e 3% a.a., e nós últimos 4 anos, o FED trabalhou muito, distribuindo  Bucks para o povo. 
Gente são 20 anos! Eu poderia agora listar um cem número de argumentos justificando o porquê, mas como dizia meu ex-sócio, Contra os fatos não há argumentos.

Eu preparei mais um gráfico, que torna este feito mais incrível, veja abaixo a evolução da taxa de juros dos títulos de 10 anos.


No mesmo período, veio de 7,50% para míseros 1,80% hoje, depois de ter atingido a mínima de 1,40% recentemente.

Quando você investe num fundo, naquelas letrinhas minúsculas do roda pé, está escrito: ...Resultados passados não são garantia de resultados futuros...e esta frase se encaixa bem agora, significando que este cenário não vai prevalecer para sempre, mas por enquanto, neste quesito, o FED está tranquilo, e seu maior receio é que ela, a inflação, não vá para o campo negativo, pois hoje isto seria um problema muito serio.

Como consumidor, este fato é maravilhoso, mas para o FED, cujo mandato é inflação e emprego, não dá para relaxar, mas elevar os juros por enquanto, só por conta de um evento exógeno.

O SP500 fechou a 1.415 com alta de 0,71% e muito próximo de nosso stop loss; o real a R$ 2,0176 com queda de 0,27%; o euro a 1,2356 com alta de 0,60% e o ouro a U$ 1.614 com alta de 0,70%.
Fique ligado!



15 de agosto de 2012

Receita de bolo para o SP500

Em finanças o termo " receita de bolo" é empregado quando um processo repetitivo é usado para atingir um objetivo. Acho válido, mas para investir na bolsa, será que dá certo?
Vejam abaixo, através do gráfico, o que eu encontrei.




Não entenderam? Então prestem bem atenção: Usando o padrão de decêndio como um guia para 2.012, anos que terminam em 2 são fortes candidatos a registrar um mínimo durante o ano. Desde de 1.930, o SP formou mínimos em 1.932, 1942, 1962, 1982 e 2.002, ou seja 62,5% dos casos. O gráfico acima apresenta estes períodos comparados com o atual.

O caso base para anos terminados em 2, é uma correção de 18%, em relação ao ano anterior, e esta mínima é formada no mês de maio, embora em metade dos casos esta baixa ocorre entre abril e junho. Em media, a alta deste mínimo é 33,5% e perdura até dezembro. Embora a media de retorno do ponto de baixa para o ponto de alta seja elevado, a media dos anos de final 2 é baixa, 1,1%. Em 75% dos casos, o ano com final 2, termina próximo das altas deste ano, e em 25% tem uma correção importante do ponto máximo. 

Está claro? Não? É simples compra na baixa e vende na alta, e se este não for um ano 2 "carimbado" não tem importância basta esperar por mais 10 anos! 

É inacreditável que um analista, do Bank of America, possa ter escrito um relatório com este, e corajosamente publicado. Eu recomendo que ele leia um dos greatest hits do acertar na mosca está-na-hora-de-procurar-outra-vaca, e busque outra profissão.

O SP500 fechou a 1.405 com alta de 0,11%; o real a R$ 2,0220 ( veja quantos números 2, será que dá para encaixar no modelo acima? Ahahahahah...) com baixa de 0,21%; o euro a 1,2286 com baixa de 0,24% e o ouro a U$ 1.603 com alta de 0,32%.
Fique ligado!

14 de agosto de 2012

A China encontrou o mapa da mina

A China é hoje a grande fábrica de nosso Universo, e para não correr o risco de parar sua produção, precisa de muita matéria prima. O Brasil se beneficiou nestes últimos anos, deste movimento.
A África é um continente que está estagnado por décadas, os principais motivos são: pobreza, falta de infraestrutura e principalmente Governos nada confiáveis, por conta disso ficou esquecida, mas não para os Chineses, que resolveram correr este risco e investir pesado neste Continente.




O mapa acima, elaborado pela consultoria Stratfor, dá uma dimensão dos investimentos feitos desde 2010, se vocês se atentarem, vão notar que a grande maioria está na área de commodities, e o valor global, estimo entre U$75,0 a U$ 100,0 bilhões. Para os ocidentais, a África parece algo arriscado, porém do ponto de vista Chinês não, pois com este volume de recursos, além de terem acesso a estas matérias primas, eles têm condições de exercer influência política nestes países, afinal de agora em diante, estão dependentes dos recursos dos Chineses.
Grande sacada, mais uma vez!

O SP500 fechou a 1.403 sem alteração; o real a R$ 2,0263 com alta de 0,68%; o euro a 1,2318 com alta de 0,18% e o ouro a U$ 1.598 com queda de 1,3%.
Fique ligado!



3º lei de Newton: Ação e Reação

Ter filhos na adolescência nos remete a lembranças de nosso tempo de escola, no almoço do dia dos Pais, surgiu a pergunta: Quais as três leis de Newton, na sequência? A ação e reação foi imediata, mas lembrar a sequencia hummm..., tive que apelar para o Google, que nunca te deixa na mão.
Pois bem, é exatamente sobre ela, a 3º lei que vou usar hoje para comentar o SP500. Há alguns dias, propus um trade de venda deste ativo trade-31072012, e lá define os parâmetros a serem seguidos, também observei que o atrativo é por conta de um bom risco x retorno, embora não seja "bater em morto". Muito bem, vejamos o gráfico atualizado.

O retângulo em verde representa uma boa área para a ação, e foi o que fizemos. Como vocês podem notar, hoje ultrapassou a linha superior deste retângulo, que por si só já nos deixa alerta A linha vermelha representa nosso stop loss e como na lei de Newton vamos reagir se ultrapassar esta linha, pois pelas minhas hipóteses, não deveria ir ate lá.

- David, se passar significa que o mercado vai subir, e aí vamos comprar?
Não, significa que vou ter que analisar novamente, em todo caso não sofra por antecipação, vamos manter o que nós combinamos com os Russos, que, diga-se de passagem, não tem nos decepcionado. Ahahahah.....
Fique ligado!

13 de agosto de 2012

Existe um Tsunami Financeiro próximo do Japão?

Todo mundo ficou horrorizado com as imagens do Tsunami que assolou o Japão no ano passado, porém o que mais impressionou foi a capacidade da população em suportar a dor, e como eles trabalharam para recuperar os estragos.
As fotos ao lado são um dos exemplos, num espaço curto de tempo, as estradas, casas e pontes foram reconstruídas em tempo recorde.
Economicamente, o Japão vive uma estagnação por mais de 20 anos, e para enfrentar esta situação o Governo injetou quantidades enormes de moeda, buscando reanimar os consumidores, com muito pouco, ou quase nenhum, sucesso.


O gráfico acima  apresenta a situação da dívida líquida japonesa comparada ao seu PIB, é a pior de todos os países desenvolvidos, é isso aí, pior que a da Grécia! É válido se perguntar, mas por que ainda não sofreu como os países do Club Med? A resposta é que 95% da dívida é financiada internamente através de poupança, porém quanto mais os japoneses se aposentam, mais esta atitude tende a mudar dramaticamente, impactando a sua taxa de poupança, ou seja, no futuro este déficit terá que ser financiado por estrangeiros.


Um professor da Universidade de Tokio, Takeo Hoshi, realizou algumas simulações apresentadas acima. A linha roxa, representa uma projeção irrealista, onde a situação atual se perpetua no futuro, as outras curvas representam algumas simulações. Sem entrar nos detalhes sobre as varias hipóteses, o que se pode inferir é que por volta de 2020, a dívida deverá ultrapassar 300% do PIB. 
Como ninguém tem carta branca infinita, mesmo o Japão. Quando o perfil de evolução é exponencial, o investidor cai fora! Quando isso vai acontecer, ninguém sabe, mas que tem uma bomba relógio lá não tenho duvida. Tudo começou em 1990, quando o Japão tentando evitar que empresas e bancos quebrassem, distribuiu Yens a vontade nos trem bala, uma vez que, por helicópteros, cairiam no mar! Ahahahahahah.....
Alguma semelhança com a situação atual dos USA e Europa?

O SP500 fechou a 1.404 com queda de 0,12%; o real a R$ 2,0204 com alta de 0,28%; o euro a 1,2337 com alta de 0,40% e o ouro a U$ 1.608 com queda de 0,67%.
Fique ligado!