Inflação: A Revanche

29 de fevereiro de 2012

Grécia :Abandone o barco enquanto é tempo


A Grécia é famosa na área naval de lá sugiram grande armadores onde destaco Aristóteles Onassis que casou com a viúva Jacqueline Kennedy.
O mesmo não se pode dizer dos Italianos, haja vista a trapalhada com o navio Costa Concórdia em janeiro passado, onde  seu comandante Francesco Schettino que quis dar um “cavalo de pau” e causou o seu naufrágio.
Vocês devem saber a minha opinião sobre o euro e venho defendendo que ao invés de passar por estes programas de austeridade de longa duração e questionável  resultado, os países afetados ( todos menos a Alemanha!) abandonem o barco. 
Pela sua experiência na área náutica , urgência e tamanho sugiro a Grécia.
Muitos economistas têm criticado esta saída por ser muito arriscada, pois bem eu li um trabalho feito pelo economista Jonathan Tepper da firma inglesa Variant Perception que desafia esta ideia. Veja a seguir o  sumário:

…” Many economists expect catastrophic consequences if any country exits the euro. However, during the past century sixty-nine countries have exited currency areas with little downward economic volatility. The mechanics of currency breakups are complicated but feasible, and historical examples provide a roadmap for exit. The real problem in Europe is that EU peripheral countries face severe, unsustainable imbalances in real effective exchange rates and external debt levels that are higher than most previous emerging market crises. Orderly defaults and debt rescheduling coupled with devaluations are inevitable and even desirable. Exiting from the euro and devaluation would accelerate insolvencies, but would provide a powerful policy tool via flexible exchange rates. The European periphery could then grow again quickly with deleveraged balance sheets and more competitive exchange rates, much like many emerging markets after recent defaults and devaluations (Asia 1997, Russia 1998, and Argentina 2002).”…

Anexo vocês tem o link caso desejem ler todo o artigo, porém escolhi a tabela a seguir que resume os casos dos países que passaram por um processo semelhante.                                        a-primer-on-the-euro-breakup.


Os maiores impactos negativos (grifados)
Desvalorização: Irã, Indonésia e Argentina - (+/- 80%)
Numero de trimestre a o piso: Islândia e Malásia – (+/- 5)
Perda no PIB: Indonésia, México e Tailândia – (+/- 13%)
Mudança no PIB após de 3 anos : Islândia, Indonésia e Tailândia ( +/- 7%)

Os maiores impactos positivos
Desvalorização: Finlândia, Suécia e Grã Bretanha – (+/- 23%)
Número de trimestre ate o piso: Grã Bretanha; Geórgia e Argentina – (+/- 1)
Perda no PIB: Grã Bretanha; Geórgia e Argentina (+/- 0,5%)
Mudança no PIB após de 3 anos :Argentina, Coréia do Sul e Grã Bretanha– (+/ - 15%)

Na minha avaliação é que não é algo inédito e já foi experimentado por vários países (no documento o economista sugere todas as medidas a serem implementadas). Em relativamente pouco tempo ( 3 anos) existe uma boa chance da economia estar crescendo e daria o tempo para os países adquirirem competitividade através da desvalorização cambial.

Por que perder a autonomia e dar poderes soberanos para seus vizinhos? 

Hoje o ECB realizou seu segundo leilão de empréstimo com taxas de 1% a.a. por 3 anos. Os bancos receberam um total de $ 530 bilhões de euros. Ualll  tiveram que alugar vários helicópteros! ahahahah.....
Em janeiro postei puzzle e naquele momento eu não entendia porque os bancos europeus não estavam comprando títulos dos Club Med financiados com os recursos do ECB. Pois bem parece que seguiram os conselhos do acertar na mosca e tem-se noticia que os Italianos e Espanhóis estão usando está estrategia. 
Se por algum motivo estes países passarem por um processo como o da Grécia vocês já sabem que vai pagar a conta. 
Não sabem? Vale a regra básica que é: Paga quem tem para pagar = ALEMANHA.


O SP500 fechou a 1.366 com baixa de 0,41% o real fechou a R$ 1,7232 com alta de 1,70% e o euro a 1,3221 com baixa de 1,02%.


Para terminar o post de hoje, mais comprido que o normal, eu fiquei intrigado com o desempenho do real, ontem fizemos uma analise no post separação onde deixe uma recomendação de compra e hoje sobe 1,7%! Sou obrigado a concluir que o acertar na mosca esta sendo muito lido a ponto de mudar o mercado AHAHAHAHAHAHAHA..... não caio nessa, se você comprou fique de olho.


Fique ligado!






28 de fevereiro de 2012

Separação?

Se você ainda não assistiu "Separação" que ganhou o Oscar deste ano, de melhor filme estrangeiro, eu recomendo.
Mas não é desta separação que vou comentar e sim do nosso querido SP500 comparado a taxa de juros de 10 anos americana.
Em situação normal de temperatura e pressão é razoável supor que quando a bolsa sobe os juros sobem também pois parte dos investidores vende sua carteira de títulos para aplicar na bolsa.
No gráfico ao lado até 2.010 funcionou muito bem, mas à partir de maio começaram a divergir.
Uma das explicações poderia ser os vários programas que o FED implantou para aumentar a liquidez : QE1, QE2 ,operation twist, em suma as incursões dos helicópteros ( lembram?). O problema é que esta distorção só apareceu depois destes eventos.
Na minha avaliação é consequência da desconfiança dos investidores nos títulos europeus e assim buscaram refugio nos títulos americanos (e também Alemães).
Como não podemos usar o mesmo paralelo de uma separação de casais onde cada um vai para um lado, em algum momento eles ( O SP500 e juros) vão ter que se encontrar de novo e independente de quem vai atrás de quem "vai machucar" .

A figura acima aponta as onze companhias que se tornaram as maiores pelo valor de mercado(*) nos últimos 100 anos.
Eu adicionei este gráfico por dois motivos : a) Curiosidade; b) Durante 80 anos houveram cinco trocas e nos últimos 20 anos seis! Como diria um comediante dos anos 80 Isso é normalll... 
(*) corrigidos ao dólar de 2.012

Vejam o gráfico do real preciso dizer mais alguma coisa?

- David está na sua cara vamos comprar dólar contra o real?
Olha não é por falta de vontade pois em termo de preço parece extremamente convidativo, mas tecnicamente não dá para ter a mesma reação. Só porque está barato? não entro nessa já vi muitas vezes ficar"muito" mais barato.
Para quem quer arriscar mesmo assim use R$ 1,6550 como stop loss e boa sorte.

o SP500 fechou a 1.372 com alta de 0,37% o real a R$ 1,6950 ( Ualllll.. com BC comprando!) com baixa de 0,84% e o euro a 1,3460 ( está chegando....) com alta de 0,49%.
Fique ligado!

27 de fevereiro de 2012

Raio X da economia Americana


Este grupo de gráficos comparam a recuperação recente da economia americana, estratificada por segmento econômico, com as anteriores de 1991 e 2001.
Os cinco primeiros : consumo, bens duráveis, exportações, Investimentos e gastos do governo, mostram um comportamento semelhante em todas elas. Destacam-se as exportações que tem um desempenho melhor agora que antes.
Os dois últimos apresentam : Estados e Municípios e Investimento residencial onde percebe-se claramente como estes setores tem um comportamento pífio.
Os economistas que elaboraram este trabalho acreditam que estes segmentos, mais recentemente, vem  apresentando sinais positivos e por esta razão estão otimistas quanto ao futuro.

Agora veja o que aconteceu com os juros nas três ocasiões:


Todas apresentam a mesma reação do FED com o afrouxamento da política monetária quando a recessão se concretizou. A grande diferença é que hoje os juros estão próximos de zero e o BC americano diz que este nível permanecerá até 2.014. Eu disse antes e repito agora que o FED se comprometeu por um prazo muito longo e ficará numa situação delicada se precisar subir os juros, que estão artificialmente baixos.

O SP500 fechou a 1.367 com alta de 0,14% o real a R$  1,7078 sem alteração e o euro a 1,3399 cpm baixa de 0,34%.
Fique ligado!










24 de fevereiro de 2012

EURO : Esta dando Preto



Há alguns dias postei euro-preto-ou-vermelho onde aventei a hipotese de uma queda do euro. Na sexta feira passada decidi liquidar a posição de venda uma vez que o mercado não se comportou da maneira que eu esperava liquidacão-euro.
Está dando preto!

- David então vamos comprar? afinal você espera no minimo 1,40.
Eu venho repetindo que o euro está em "terreno perigoso", constate você mesmo e veja como cada alta ou baixa é limitada a  5% ~ 7% e em seguida um movimento contrario. Tecnicamente parece estar formando um triangulo (linha laranja) e nestes casos deve-se buscar operações nos extremos, no meio do caminho só para tiros curtos. Se eu estiver correto depois desta alta devemos ver o euro abaixo de 1,18!
Aguarde pois se eu identificar uma oportunidade vou publicar.

Ontem estava assistindo uma entrevista do gestor de um fundo, que ao ser indagado pela repórter se não tinha duvidas quanto as suas previsões respondeu : Sempre existem duvidas! A resposta dele é mais do que correta mas o  que ele não colocou é quais serão os estragos caso esteja errado, ou seja o valor esperado (estou-desconfiado).
Eu ainda continuo muito cético quanto as ultimas altas e considero eminente uma correção.

Um leitor assíduo comentou que o acertar na mosca se esquiva do posicionamento e segundo suas palavras " você diz que vai cair mais também pode subir". Se estou deixando está impressão gostaria que os leitores me informassem pois não é meu intuito. A seguir meus comentários a esse leitor:
  • Estamos no ano DFPH , tudo é possível.
Vamos administrar 2.012 sem grandes objetivos pre estabelecidos, passo a passo e sem muita sede ao pote. O principal motivo destas duvidas é oriundo do fato de existirem forças conflitantes agindo sobre as principais economias, por um lado os BC´s inundando o mercado de moeda e de outro os investidores diminuindo suas dividas. O dilema é saber quem vai ganhar está batalha? (copiado do post sp-500-2012)
  • Não sugeri nenhum trade sem um stop loss claro e em alguns trades liquidei antecipadamente.
  • O compromisso é com o bolso e não com o ego!
  • Diferentemente deste leitor que tem uma visão extremamente negativa eu sou mais pragmático, assim não corremos o risco de ficar "abraçados" numa posição amargando prejuízos crescentes.  
O SP500 fechou a 1.365 com alta de 0,17% o real a R$ 1,7090 com baixa de 0,28% e o euro a 1,3458 com alta de 0,64%.
Fique ligado!


23 de fevereiro de 2012

Fim do Carnaval


Depois de uma semana ausente voltei a ativa e trouxe junto comigo um vírus que me botou em casa de molho.
Nesta ultima semana o evento mais relevante foi o acerto da divida da Grécia. Honestamente se eu fosse grego não ficaria nada feliz, este pacote se cumprido, vai implicar em muitos anos de sofrimento.

- David mas eles não gastaram demais?
Sem duvida mas a culpa do excesso de gasto é deles ou de quem ofereceu credito abundante sem limites? É humano que ninguém goste de perder nada independente se é um Fusca ou uma Ferrari a sensação é a mesma.
O grau de otimismo no mercado é bastante elevado e no meu julgamento o mundo não está "com essa bola toda", porem enquanto os BC injetarem liquidez fica muito difícil e custoso ir contra o mercado.Não vamos esquecer que estamos no ano Disciplina - Flexibilidade - Plano de ação - Humildade.

O SP500 fechou a 1.363 com alta de 0,42% o real a R$ 1,7132 com alta de 0,40% e o euro a 1,3367 com alta de 0,90%.
Fique ligado!

17 de fevereiro de 2012

Liquidação Euro

Como eu não vou ficar acompanhando os mercados nestes dias prefiro liquidar o euro que haviamos comprado a 1,3130
Fique ligado!

16 de fevereiro de 2012

Tem uma bomba relógio rondando o mercado


Eu já tinha me despedido mas ao tomar conhecimento de uma nota quis dividir com vocês. Um trader do Banco UBS comentou que o que realmente está tirando o sono do mercado são os contratos de CDS ( credit defaults swap). Ninguém sabe qual é o tamanho, quem são as contra partes e pior se estes contratos serão efetivos ou não.
Vou dar um exemplo teórico: Um investidor A compra o equivalente a U$1.000 em bônus grego, estava tudo bem até que os rumores aumentaram e no calor da crise queria se desfazer deste titulo, como não tinha comprador adquire um contrato de (CDS) da seguradora G, pagando um premio de U$ 300. Este contrato funciona como  uma apólice de seguro e duas hipóteses podem acontecer:
a) Não há default - Neste caso  A recebe U$1.000 do titulo e perde U$ 300 do premio ficando liquidamente com U$ 700.
b) Há default - Os títulos tem valor marginal e são entregues a G e em contra partida recebe U$ 1.000 (de G), ficando liquidamente com os mesmos U$ 700.
Não vou entrar no mérito da situação de G.

- David está vendo fantasmas de novo?
Muito bem o que esta sendo negociado com a Grécia é uma troca voluntaria com 50% de redução, neste caso não é um default. Então A ira receber em troca de seus títulos de U$1.000 um novo de U$ 500 de prazo longo e juros baixos, que deve se traduzir num deságio. Sem considerar o deságio A vai ter liquido menos de U$200 (U$ 500 do titulo novo - U$300 do premio pago).

Na opinião deste profissional (UBS) o CDS não tem valor pois não oferece garantia. Como consequência os credores serão separados pelos "ótimos creditos" que terão recursos abundantes e os outros créditos que não são tão ótimos nenhum recurso. 
O custo do Club Med vai para o espaço e o ECB fica sem armas. Capixe! 

Fique ligado!




Dinheiro não leva desaforo

Se tem algo que aprendi com um custo elevado foi que dinheiro não leva desaforo. Atitudes arrogantes do tipo: O mercado é burro ; fica frio que o preço vai voltar; no longo prazo vou recuperar; vou fazer preço médio; se cair mais eu compro tudo; e assim vai, a chance de você perder é de 80% e de ganhar 20% por sorte. Como não queremos investir como se tivéssemos num cassino prestem atenção quando este tipo de situação acontecer com vocês. "Please" antes de embarcar lembrem deste post.

Muito bem vamos as ações da Apple, ontem fiz um pequeno comentário e quero esclarecer que minha observação foi uma ironia para justificar a queda de ontem, não uma recomendação de compra.

A figura acima é muito ilustrativa, então vamos "morder" a maça:

  • A evolução do lucro do 4º trimestre( em relação ao ano anterior) de todo o SP500 cresceu 6,6% se subtrair o lucro da Apple seria de 2,8%.
  • Desde 2007 a Apple subiu 500% enquanto o SP500 caiu 5%.
  • O valor de todas as ações do Nasdaq 100 ( irmão caçula do SP500) é de US 2,8 trilhões a Apple sozinha vale U$ 0,45 trilhão.
  • A ação da Apple subiu 26% em 2012.


O gráfico acima faz um paralelo da evolução de 3 ações muito bem sucedidas : Microsoft; PetroChina e Apple.
Todas passaram por uma correção importante a conclusão é: Dinheiro não leva desaforo!

- David já que você esta tão convencido porque não vende ações da Apple?
Espera ai eu em nenhum momento falei que elas vão cair agora! O que eu estou querendo mostrar é que dificilmente comprando estas ações neste preço você vai ganhar dinheiro. Isto não quer dizer que eu acho a companhia ruim muito pelo contrario basta ver seus produtos e lucro. Mas o mercado está assumindo que tudo vai continuar do jeito que vem vindo e a vida não é assim, tudo é cíclico. Não esqueçam que o gênio da empresa infelizmente faleceu, será que vai continuar igual?

Grécia : Merkel seguraaaaaaaaaaaaaa.....

O SP500 fechou a 1.358 com alta de 1,10% o real a R$ 1,7160 com baixa de 0,73% e o euro a 1,3137 com alta de 0,56% 

Vou estar fora no Carnaval e volto a postar na próxima quinta- feira dia 23/02 ou extraordinariamente se a situação exigir (tipo a Grécia quebrou!).
- Ahahahahahahah...
Não dê risada eu me lembro quando o Banco Barrings, com mais de um seculo de tradição, quebrou exatamente na terça feira de carnaval. Naquela época eu estava na Linear e fiquei ao telefone ( não celular) com meus sócios para avaliar o impacto ou melhor prejuízo na abertura dos pregões. 
Esta profissão é como os escoteiros sempre alerta! 
Bom carnaval a todos.
Fique ligado!

                                                                                











15 de fevereiro de 2012

My amigo!

Como você deve ter notado o acertar na mosca está de cara nova, apos 6 meses de vida, e como comentou minha esposa, resolvi dar um visual mais "chique". Qualquer sugestão é bem vinda.
Um comentário feito pelo presidente do Banco Central Chines Zhou Xianchuan despejou um nova onda de otimismo pelos mercados.
Segundo sua opinião os problemas da Europa podem ser solucionados e esta confiante no Euro.
A China vai expandir seus investimentos naquele continente e mesmo desempenhar um papel importante na resolução dos problemas da Europa através do FMI e EFSF.
Nos anos 80 o humorista Jô Soares representava um protagonista Argentino que emigrou para o Brasil (Gardelon), ao pedir ajuda aos brasileiros recebia propostas indecorosas mas como não estava em condições de recusar nada, agradecia com a frase... Myyyy amigo!


Há alguns dias postei arroz-e-porco-em-alta onde comentei a possibilidade da China investir na Europa. O real motivo não é porque os Chineses estão com "pena" dos europeus e querem ajudar um amigo ou porque investir na Grécia, Portugal, Espanha, Itália seja um barbada. O real motivo e que a Europa é hoje o maior cliente da China e como precisa exportar para crescer está adotando a mesma politica que vem adotando com os USA ao comprar títulos americanos. simple like that.
Ah e junto com os euros virão alguns pedidos extras e principalmente no WTO (World Trade Organization) atestando que a China é uma economia de mercado.
Myyyyyy amigo!


Hoje durante o dia postei um novo trade euro-preto-ou-vermelho veja lá minha visão sobre a combalida moeda única.
Durante o dia o mercado foi perdendo animação e os argumentos foram inúmeros ( A China vai vender seus títulos americanos para comprar o europeus; O ipad não vai poder ser mais vendido nos USA e por esta razão as ações da Apple estavão caindo ( veja o gráfico abaixo escala logarítmica). Caindo? come on!


Quer saber qual o motivo? Está todo mundo comprado inclusive a torcida do New York Giants!
Quando o mercado cai com noticias boas é classificado como maduro e acho que estamos prontos para uma correção.

O SP500(*)  estava a 1.342 com baixa de 0,59% o real a R$ 1,7287 com alta de 0,45% e o euro a 1,3068 com baixa de 0,47%
(*) as 18:40hs.
Fique ligado!






EURO : Preto ou Vermelho?



Um leitor me perguntou qual a minha visão para o euro nos próximos 6 meses.

- David calma lá agora você vai apelar para a roleta?
Não, pode ficar tranquilo se algum dia eu tiver que usar este artificio vou mudar o nome do site para acertar na sorte ahahahah......é só uma forma de mostrar dois caminhos possíveis.
Como vocês podem perceber eu acredito que daqui a +/- 6 meses ( sem muita precisão!) ele estará acima dos níveis atuais. O problema é que pode ocorrer ainda uma nova minima 1,24 +/- 0,01 antes de subir.

- Bem não precisa ser um gênio, se isto vai ocorrer vamos comprar e talvez passar um calorzinho.
A vida não é assim simples se voce comprar agora a 1.3080 e a moeda for a 1,2500 voce vai amargar um prejuízo de 4,7%.

- Basta esperar e recuperar tudo.
Esqueceu nosso lema de 2.102 DFPH? se acontecer isso tenho certeza que vai ficar de muito, muito mal humor e alguma coisa deve acontecer para justificar esse preço tipo Grécia esta a um fio do precipício ou qualquer outro.

- Porque você acha que pode dar vermelho antes do preto?
Tecnicamente está faltando um movimento de queda a 1,25, se acontecer fecha bonito. Em outros indicadores que acompanho parece também estar se materializando esta nova queda.
Vou propor um trade extra bem especulativo pois é contra a força de médio porte, só para quem gosta de emoção (todos ahahahah...)
Trade #150212 (data)
Venda de Euro = 1,3080
Stop Loss = 1,3300

E vamos lá
Fique ligado!



14 de fevereiro de 2012

Melhor punir ou incentivar?

Tenho observado uma característica do nosso governo, a de punir quando o que desejam não se concretiza.
Posso citar alguns exemplos : IOF sobre carros importados; IOF na entrada de dólares; queda da taxa SELIC usando expectativas fora de seu controle e a ultima agora Dimensionamento voluntário das exportações Chinesas para o Brasil. Entenderam? querem que o governo Chines controle o volume exportado para o Brasil, que tal chamar de quotas! Os Chineses? forget about.


O Estado de São Paulo publicou hoje que vão implementar uma alíquota de imposto maior nas aplicações atreladas ao CDI. Será que não aprenderam com seus filhos que só punir não resolve outras técnicas são mais efetivas?

Por que isso preocupa?
Ao adotar a política da punição ao invés de buscar incentivar diminuindo impostos, investindo em infra estrutura e etc.. postergam o problema sem enfrentar de uma forma mais definitiva.
Quanto ao anuncio de hoje, pela minha experiencia na área de renda fixa e mesmo sem saber suas intenções,  acho muito difícil funcionar. Como o governo é o maior emissor de títulos indexados ao CDI será que não seria muito melhor pagar um premio extra nos títulos pre fixados e pouco a pouco fazer o mercado trabalhar fora daquele indexador? para que punir?

Na verdade o que mais me preocupa é a politica monetária pois o motivo usado para a queda dos juros, uma piora do cenário externo, não está se materializando. E nas ultimas atas o BC mudou o seu discurso para justificar a continuação do movimento de queda. E se a inflação voltar a subir o que o BC vai fazer? subir os juros ou dar uma de Cristina Kirsnher e dizer que os índices de inflação estão errados?
Não estou gostando!

Hoje o BC do Japão resolveu adicionar U$ 128 bilhões na compra de títulos do governo. Afinal a taxa lá esta muito elevada? Por exemplo o titulo de 5 anos rende 0,35% a.a, e o de 10 anos 0,96% a.a.! Na verdade sua intenção é  tentar desvalorizar o Yen boj-x-fed.


O BOJ também estabeleceu um objetivo para taxa de inflação em 1% a.a. Veja o gráfico acima  dos últimos 15 anos, parece bem difícil de atingir pois a economia lá esta em deflação há muitoooo tempo!

o SP500 fechou a 1.350 sem variação o real a R$ 1,7210 com alta de 0,29% e o euro a 1,3118 com baixa de 0,49%.
Fique ligado!

13 de fevereiro de 2012

O mundo se divide em 2 grupos


X

No inicio da minha carreira profissional um alto executivo de banco disse: O mundo se divide em 2 grupos os comprados e os vendidos. Eu pensei faz sentido um disputa contra o outro para ver quem vai lucrar. Em seguida complementou este é um grupo(comprados e vendidos) o outro é o povo que tanto faz o que acontece! Na hora achei uma piadinha de mal gosto.

Tomando conhecimento hoje da aceitação do pacote pelo parlamento Grego, acho que o executivo tinha razão a unica diferença que neste caso o povo ficou enfurecido! Na primeira foto a repercussão da bolsa Grega com alta de 5% e a seguir as manifestações de rua depois de anunciarem que o salário mínimo vai diminuir em 22% e 1 em cada 5 funcionários publico serão dispensados.

O primeiro ministro Grego num discurso inflamado disse : O parlamento Grego só tem duas opções ou aprovar este pacote doloroso ou vamos despencar no precipício . Acho que vai acontecer ambos. 

Exitem duas formas classicas para solucionar a solvência de um país.
  1. Através  de medidas de austeridade que geram muito sofrimento por um período relativamente longo (solução europeia para a crise).
  2. Desvalorização da moeda com aumento da inflação.
No "couvert" da duas tem também uma diminuição "voluntaria" da divida existente.
Qual é a melhor (ou menos ruim)?
Na minha opinião a segunda pois depois da desvalorização, que acontece over night, o país recupera sua competitividade imediatamente. Ambos tem o efeito negativo é inevitável de uma recessão porem o modelo 2 tem um tratamento de choque rápido. Como já dizia Maquiavel o mal se faz de uma vez.
O melhor teria sido abandonar o Euro e nacionalizar seus bancos.

Em Abril haverá eleições na Grécia e não precisa ser um grande cientista político para prever que este governo socialista vai perder. E ai como vai ficar? o novo Governo vai honrar?
Acompanhe com atenção os acontecimentos pois a Grécia é avant premiere de uma serie de outros sendo que Portugal é o próximo da lista.

O SP500 fechou a 1.351 com alta de 0,68% o real a R$ 1,7160 com baixa de 0,26% e o euro a 1,3195 sem variação.

Eu queria deixar minha homenagem a uma cantora com uma voz fabulosa  Whitney Houston.
Não é a primeira que um artista  por não conseguir administrar as mudanças da vida busca nas drogas uma sedação falsa da dor, que quase sempre finaliza com sua morte.
Saudades!


Fique Ligado!




12 de fevereiro de 2012

USD: comprar ou não comprar "this is the question"


Hoje vou dividir com vocês a duvida que tenho em relação o real. Desde agosto acredito ter acompanhado com bastante sucesso os seus movimentos, porem estamos entrando em um momento critico onde existe uma possibilidade do dólar atingir novas minimas, embora não seja este meu cenário principal.
Porque comprar? 
  • O indicador técnico de preço está bem atrativo. Por este critério R$ 1,71 +/- 0,01 seria o objetivo.
  • Fundamentalmente tenho observado varias empresas efetuando operações de Hedge ( compra futura de dólares) para proteger seus passivos cambiais.
  • Em janeiro postei copo-meio-cheio-ou-meio-vazio onde aponto uma deterioração das contas externas brasileiras ( recomendo uma re-leitura).
  • Cenário externo sujeito a grandes desafios. 
Porque não comprar?
  • Sobre outro enfoque técnico de momento, não existe uma indicação clara de reversão.
  • Os estrangeiros estão mandando esquadrilhas de helicópteros para o Brasil gerando volumes expressivos de entrada. 
  • O custo elevado de ficar "vendido" em reais.
- David você é pago, e bem pago, para dar sua opinião. Não jogue nas costas do leitor! ahahah...
Você tem razão.

Nos últimos anos 3 moedas são muito impactadas pelos preços das commodities : dólar australianos, dólar canadense e o real.
veja o real comparado a seu "irmão mais velho" o dólar canadense.


São movimentos muito semelhantes embora o real tem um comportamento mais "nervoso". 
Infelizmente o canadense apresenta o mesmo dilema do real não oferecendo nenhuma ajuda em nossa analise.

Conclusões:
  1.  Não ficaria vendido no USD nestes níveis, e se tiver dividas buscaria proteção para no minimo 80%.
  2. Para quem quer arriscar uma compra de U$ eu utilizaria um stop loss entre 1,67/1,66, pois abaixo disso a chance do real atingir novas minimas aumentam.
  3. O Acertar na mosca ainda vai observar mais um pouco. 

Fique ligado!


10 de fevereiro de 2012

Sem comentários

Quando eu fui para a Grécia, há alguns anos, ao chegar olhei a minha volta e não consegui entender nada! Um amigo perguntou qual era a minha opinião e disse que parecia estar numa grande aula de matemática! ahahah...

 
Agora as manchetes deste jornal Grego não parecem nada engraçadas e é como os Alemães são vistos lá.

Daqui há algum tempo vamos ver manchetes semelhantes nos jornais Portugueses, Italianos, Espanhóis e porque não Franceses uma vez que hoje já existe este viés.

O lançamento da ações do Facebook estão gerando uma grande excitação no mundo financeiro eu particularmente acho que não é um bom investimento no longo prazo.

- David você falando em longo prazo? ahahahaha...
É meu amigo como dizia meu ex-sócio contra o fluxo não tem argumento e neste caso no curto prazo tudo pode acontecer.
Para complementar um relatório colocou alguns dados interessantes, o Facebook tem 845 milhões de contas e no mundo exite hoje 7 bilhões de pessoas das quais 5,15 bilhões vivem com menos de U$10 por dia e mesmo que tenham um computador ou smart phone não tem dinheiro para gastar. Em conseqüência existe um total de 1.85 bilhões de potencias usuários.
Pergunta: Quantos usuários a mais (que podem gastar e ainda não tem uma conta) podem assinar o Facebook para valer U$ 100 bilhões? faça a sua aposta.

Eu estava me preparando para escrever sobre o real mais vou deixar para o fim de semana.
USD : Comprar ou não comprar This is the question.


O mal humor do mercado hoje foi por conta do recado dado pelo Ministro das Finanças da Grécia aos políticos de seu país. Em resumo disse: Ou dá ou desce! Vamos ver o que acontece no final de semana e qualquer previsão é pura especulação, porem acredito que em 10/02/2013 o euro não estará mais circulando em Atenas.


O SP500 fechou a 1.341 com baixa de 0,70% o real a R$ 1,7205 com alta de 0,26 e o euro a 1,3170 com baixa de 0,85%.
Fique ligado!







9 de fevereiro de 2012

Arroz e porco em alta!

Esta madrugada o governo Chines publicou sua taxa de inflação e ao contrario do que os analistas esperavam ela subiu para 4,5% a.a. O custo de alimentos representa 1/3 do índice e subiu 10,5% a.a . As autoridades Chinesas sabem bem que se tem algo que pode destabilizar seu regime é a comida pois para um salario minimo de U$ 100/mês o que mais dá para comprar?
Varias considerações feitas mas de pratico quem esperava um relaxamento monetário pelo BC Chines pode ficar esperando!

Ah para quem estava esperando um elogio ao Palmeiras (porco) não foi o caso sorry! ahahahah....

Uallll  adivinhem  o que é a figura abaixo? Complicado? Não são as exportações cada grupo econômico ou país.
USA = preto ; Japão = azul; Europa = verde e Emergentes = vermelho.


Achei interessante para avaliar o estrago que pode advir de um eventual desastre na Europa. 
Conclusões:
  • O volume exportado e importado pelos USA é pequeno proporcionalmente a sua economia.
  • Ja em relação ao emergentes tanto importação quanto exportação são elevados, e provavelmente a maioria da exportação pela China e importação mais distribuída.
Posto isto podemos entender melhor porque a bolsa americana não esta dando tanta bola para os problemas na Europa e as recentes preocupações quanto a China. Não se surpreendam se em algum momento os Chines coloquem um "troco" de uns U$ 100 bilhões num fundo europeu.

O SP500 fechou a 1.352 com alta de 0,15% o real a R$ 1,7160 com baixa de 0,30% e o euro a 1,3283 com alta de 0,18%.
Fique ligado!





8 de fevereiro de 2012

Estou desconfiado..

Vou falar hoje de um indicador novo para vocês o VIX que significa Volatility Index. Não vou entrar no detalhe de como é calculado e sim  qual o seu uso. Como o nome diz é uma medida da Volatilidade ou seja se o preço oscila muito o índice sobe e caso contrário cai. Normalmente a volatilidade aumenta quando a bolsa cai e vice-versa. Uma espécie de termômetro.
Vejam que o índice está em níveis baixo e que em ocasiões anteriores algum evento negativo ocorreu ocasionando sua elevação.

Poderia elencar uma serie de riscos que nos rodeiam e que venho comentando porem tem um em especial que parece não estar merecendo atenção pelo mercado.  IRÃ
Não entendo nada sobre riscos geo políticos porem há alguns dias quando o Irã ameaçou bloquear o estreito de Hormuz fiquei com a pulga atraz da orelha. Porque estariam provocando o ocidente? A resposta pode ser que veem alguma ameaça no ar.
O mundo sabe que eles tem  capacidade de produzir urânio e parece que suas instalações estão ficando prontas. Li em alguns relatórios que Israel iria atacar estas instalações em breve.
Nenhuma indicação será vazada e provavelmente, se acontecer, vamos saber pelos noticiários.
Estou enxergando fantasmas ou o mercado está complacente? A estatística está do meu lado e é bom ficar alerta.

- David já faz um bom tempo que você não faz recomendação de trade. Está dando uma de PSDB?
Tem razão as ultimas foram para liquidar as posições de Euro e SP500 que se mostraram acertadas. Eu consigo imaginar algumas oportunidades no real (venda), no ouro(venda), e no SP500(venda). Em todas elas ainda não tenho confirmação técnica mas os preços são atrativos.
Tenha claro que buscamos situações cujo valor esperado é um bom risco.
Valor esperado = Probabilidade de acontecer x potencial de lucro.
É verdade que estes valores são teóricos porem não adianta nada uma operação cujo o upside é alto porem tem uma chance baixa de acontecer. Neste caso o único conforto é que se perde pouco.
Atualmente estes mercados tem um bom potencial de lucro mais ainda não vejo uma boa probabilidade de ocorrer. Nem para baixo nem para cima Capixe!

O SP500 fechou a 1.349 com alta de 0,22% o real a R$ 1,7212 com baixa de 0,26% e o euro a 1,3258 sem variação.
Fique ligado!





7 de fevereiro de 2012

Puzzle!

- David antes de começar o que esta tabela ao lado?
Você sabe que eu sempre anexo uma imagem no inicio dos posts e está em especial, eu achei em meus arquivos, e parece combinar com o assunto de hoje. Não precisa ficar preocupado pois não vou fazer aquelas perguntas clássicas de quebra cabeças. Por sinal eu detesto  não vejo nenhuma graça e o resultado no bolso é Zero! Só para satisfazer o ego?
O assunto de hoje é China



Perguntas :
  1. Os países desenvolvidos estão vivendo um momento onde buscam desesperadamente o crescimento?
  2. A China vem afrouxando sua politica monetária?
  3. Seu crescimento ainda tem mostrado números bem satisfatórios?
  4. O mundo esta colocando suas fichas que o consumo na China iria crescer?
SIM!
Então porque o desempenho da bolsa esta tão negativo? Veja a comparação com o SP500 nos últimos 3 meses.


Eu poderia encher a pagina com argumentos que tenho lido mas não me convence. Como a China é um país misterioso onde a confiabilidade nos dados é questionável, o que será que está acontecendo lá que nos não estamos sabendo?

- David você vai deixar a gente sem resposta?
Desculpa companheiro mas eu não tenho explicação! Se você tiver eu peço que me escreva.

O SP500 fechou a 1.347 com alta de 0,20% o real a R$ 1,7258 sem alteração e o euro a 1,3262 com alta de 1,02%.
Fique ligado!



6 de fevereiro de 2012

Bernanke está arrependido?

Os resultados do emprego recentemente publicado nos USA foram bons. Li muitos comentários relativizando estes dados com argumentos validos mas não dá para negar que a criação de novas vagas da ordem de 240.000 e uma taxa de desemprego de 8,3% não tem que ser comemorados, afinal quantos e quantos economistas esperavam  uma catástrofe eminente.


Vejam o gráfico ao lado que abrange um período longo da taxa de desemprego.

O que pode atrapalhar? JUROS!
Nosso amigo Bernanke vem repetidamente declarando que os juros vão neste patamar por um longo período,  na ultima reunião do FED anunciou uma taxa baixa ate o final de 2.014. Se voces estão lembrados eu disse que ninguem consegue dar está garantia para um prazo tão longo fed-1-x-0-deslavancagem.

O grafico abaixo é uma comparação entre a taxa de juros de 10 anos contra o SP500 nos últimos 3 meses.


A bolsa subiu uns 10% e os juros dos títulos de 10 anos ficaram estáveis ao redor de 2% a.a ( o gráfico expressa a variação porcentual da taxa).
Em determinadas situações quando a bolsa sobe os juros podem subir também. Nestes casos duas podem ser as razões: a) bom motivo- Quando a autoridade monetária deixa os juros baixos para incentivar a economia e  posteriormente retira os estímulos; b) mal motivo - Quando o crescimento é tão forte que o BC sobe o juros para "acalmar o touro" liquidity-trap. Hoje estamos na situação a) onde os juros estão muito baixos e negativos em termos reais( inflação > juros).
Garanto que o Bernanke e sua turma passaram o fim de semana preocupados e se pudessem voltar no tempo mudariam a ata.
O que fazer agora? Este ano é eleitoral e estatisticamente o FED não muda o nível dos juros a fim de evitar comentários que estaria beneficiando ou prejudicando os candidatos, ou seja o timing tão bem não ajuda.

Entretanto se a economia americana continuar recuperando razoavelmente e se o FED demorar para subir os juros a inflação e os juros longos vão subir e o mercado vai dizer que o FED está atrasado. Adicionem os inúmeros helicópteros usados no passado e que para recolher estas notas vão precisar milhares de garis ahahahah.....

Nosso  leitor assíduo que é fã incondicional dos títulos americanos e continua confortavelmente abraçado aos mesmos, cuidado neste cenário eles vão queimarem nas mãos.

O SP500 fechou a 1,344 sem variação o real a 1,7263 com alta de 0,60% e o euro a 1,3130 com baixa de 0,14%.
Fique ligado!

5 de fevereiro de 2012

Liquidity Trap

Antes de comentar o artigo do Bill Gross vou explicar o significado da expressão curva de juros. É intuitivo que um investimento de 3 anos tenha uma taxa de juros menor do que um de 10 anos afinal é uma compensação pela indisponibilidade por um período mais longo.
Esta curva é sempre relativo a um mesmo emissor para que não haja contaminação por riscos de créditos diferentes. Ou seja não se mistura laranja com banana.
A figura ao lado é a forma clássica de representação sendo que em alguns momentos é mais ingrime outros mais plana dependendo da situação que a economia se encontra.

Vejamos a curva de juros do títulos americanos recentemente.


Observem que ate 4 anos de vencimento o retorno é ínfimo menor de 0,5% a.a. chegando a 3%a.a somente em 30 anos. Tudo isso é conseqüência do excesso de liquidez injetado nos últimos anos. 

O que o FED pretende?
A autoridade imagina que deixando os juros baixos cria atrativos para novos investimentos e depois de algum anos a economia voltaria ao normal. Esta é a teoria clássica porem exite uma situação conhecida como liquidity trap.

O economista Luis Paulo Rosenberg usa um exemplo para exemplificar esta situação : Imaginem um touro que esta muito agitado (economia muito aquecida) para segura-lo junta-se 3 homens fortes com uma corda em seu pescoço, não conseguindo junta-se mais um, não tendo sucesso mais um, mais um e assim por diante, em algum momento todos estes homens seguram o touro (simboliza a autoridade subindo os juros). Porem se o touro esta largado no pasto você pode dar a corda do mundo que ele não se levanta ( juros zero).

Como se diz a teoria na pratica pode ser diferente pois os investidores não necessariamente são levados a assumir mais risco comprando ações ou imoveis conforme desejo do FED. Quando o medo, movido por sentimentos racionais ou irracionais, levam o investidor a ficar mais preocupado com a segurança dos seus recursos do que o retorno, colocam seu dinheiro "debaixo do colchão" ou investem em títulos do governo a zero de juros.  Quando esta situação acontece os mecanismos do Banco Central são inócuos podendo levar a economia para uma deflação Bill Gross.

É isto que o FED esta desesperadamente tentando evitar pois juro menor que zero não dá. 
Na sexta feira foram publicados os dados de desemprego que será comentado na nota de amanhã.
Fique ligado!



3 de fevereiro de 2012

MEC X FLU ?

Vocês sabem que eu sou um engenheiro dedicado ao mundo das finanças. No primeiro dia de aula na faculdade, ainda meio perdido, me aproximei de um quadro e vi um cartaz : MEC x FLU  pensei o que sera isso? Como tinha um Flu achei que era um jogão de futebol só não imaginava quem poderia ser o Mec.
Passado um tempo me inteirei que esta sigla referia-se a temida materia Mecanica dos Fluidos que era a responsável pela maioria das DP´s.


Hoje pela manhã  lembrei do conceito de fluxo turbulento e fluxo laminar.

- O que agora aula de engenharia?
Você não me dá folga o que eu quero dizer é que os conceitos aplicados em MECFLU são validos para os fluxos financeiros e a figura acima expressa bem o dilema que venho comentando sobre as ações dos BC´s ( - ) e os desalavancados ( + ).
A pergunta que vale alguns bilhões (um Facebook ahahahah...): O nadador vai chegar a borda para evitar uma deflação? Ou este nadador "bombado" vai esparramar tanta água gerando uma super inflação?
No final de semana vou comentar o artigo publicado meu "guru" Bill Gross que versa sobre o tema.

Os dados de desemprego foram muito melhores do que o esperado pelo mercado como consequência as bolsas tiveram um dia muito positivo. Hummm.... acho que o FED está deixando a bola quicar na área.

O SP500 fechou a 1.345 com alta de 1,46% o real a R$ 1,7160 com queda de 0,19% e o euro a 1,3148 sem variação.

Para terminar estou anexando um gráfico da Natureza que dispensa comentários.
Fique ligado!


2 de fevereiro de 2012

BOJ x FED

Eu nunca publiquei nenhuma analise sobre o Yen moeda japonesa. Nos últimos 10 anos venho acompanhando as moedas Internacionais e a japonesa é muito difícil, o BOJ ( BC Japonês) é conhecidíssimo pelas suas inúmeras intervenções muito antes do FED, ECB e outros.
Um analista que eu respeito bastante deu um apelido que expressa bem esta realidade : The house of pain.
A economia Japonesa vem tendo uma performance pífia nos últimos 20 anos alem de um sério problema demográfico com uma população muito velha, tornando o trabalho das autoridades japonesas quase uma missão impossível.




O gráfico acima é a cotação do USDJPY ou seja quantos Yens são necessários para comprar um dólar, portanto uma queda na cotação significa desvalorização dólar com a valorização do yen. 
No incio dos anos 80 quando a economia Japonesa estava bombando o dólar estava ao redor de 285 Yens e ao final da década por volta de 160 ou seja uma valorização de 40% "a lá real" .Mas como a economia estava crescendo tudo bem.

Este crescimento elevado culminou com uma bolha de ativos. O índice da bolsa de valores Nikkei chegou ao patamar de 40.000, e como toda bolha a de lá estourou em 1.989, hoje este indicador esta ao redor de 8.000! O que o BOJ fez para evitar uma depressão? HELICÓPTERO, já ouviram isso antes? Mas tomou também uma serie de medidas com intuito de salvar os bancos. Como consequência colocou sua economia na UTI, que continua ate hoje, não morre mas não sai de lá.

O dólar caiu daqueles 160 para 76 hoje ou seja uma valorização do Yen de 52%. Desde os anos 80 a moeda acumula a bagatela de 73% de valorização! Bem também eles não tinham um Ministro das Finanças como o Mantega. 
O juros é zero há 20 anos!

Sabemos que os Japoneses são valentes e tem uma capacidade de absorver situações difíceis, basta ver a postura depois do tsunami, mas aguentar 73% de desvalorização, sem a menor perspectiva de reversão no curto prazo, faz com que os exportadores japoneses estejam perto de cometer um "Haraquri".

Desta forma a cada vez que um BC no mundo injeta liquidez como subproduto é gerado demanda pelo Yen, uma vez que esta moeda é considerada um refugio seguro. O BOJ tem portanto muito trabalho para segurar a cotação ( veja o post O FED contrata o BC Chines). 

Em 1929 aconteceu algo semelhante quando os países travaram uma guerra cambial tentando preservar suas exportações. Será que a historia vai se repetir?

Em 2005 Mark Zukerberg contratou um grafiteiro para executar um trabalho nas paredes do escritório do Facebook. Na hora de fazer o pagamento ele deu uma opção para o artista receber em dinheiro ou em ações, sua decisão foi pelo ultimo mesmo achando que não iriam valer nada. Ao valor de U$ 100 bilhões este felizardo terá realizado a bagatela de U$ 200 milhões! Vocês acham isto normal?

O SP500 fechou a 1.325 com alta de 0,11% o real a R$ 1,7193 com baixa de 0,80% e o euro a 1,3147 com baixa de 0,10%. Amanhã é dia de anuncio da taxa de desemprego nos USA o mercado espera uma criação de 200.000 vagas vamos ver o que acontece.
Fique ligado!









1 de fevereiro de 2012

The Big (ou Huge) Ben?

A imagem que eu tenho da Inglaterra talvez venha da minha infância. Um país onde a população é muito educada (continua) contraposto com as grandes bandas de musicas ( Beatles) e uma moeda muito forte (será?).
Hoje vou apresentar alguns dados da Grã Bretanha que nesta crise Europeia está sendo preservada.
Como vocês já sabem a Inglaterra decidiu não aderir ao euro e continuou com sua moeda o british pound, em 1992 o mega especulador George Soros colocou o poderoso BOE ( BC inglês) na lona ao fazer uma aposta contra a moeda finalizando com uma desvalorização importante e um lucro de U$ 1,1 bilhão. Ficou conhecido como " o homem que quebrou o BOE".

Vamos aos dados mais recentes.



O gráfico acima apresenta a soma das varias dividas de um país ou seja : Pessoas Físicas (azul), Empresas (azul claro); Bancos (verde) e Governo (amarela). 
Proporcionalmente é a maior do Planeta!


No final dos anos 90 a divida bancaria explodiu e nem apos a crise de 2008 ela diminuiu. Enquanto as empresas e pessoas físicas diminuíram sua dividas, apos aquela data e o governo começou a se endividar.


Este gráfico que compara a divida bancaria inglesa e americana fazem os americanos parecerem fichinha.

Na crise de 2008 o BOE junto com o FED foram os mais ativos em medidas para evitar uma catástrofe maior. Não quero fazer nenhuma previsão prematura somente tomando como informação estes dados pois alguns fatos devem ser considerados : 1) Londres é um centro financeiro muito grande só ficando atras de NY. Talvez boa parte das dividas das companhias são contabilizadas lá o que pode inflar artificialmente estes números; 2) O sistema previdenciário inglês é o mais bem estruturado dos países desenvolvidos e o vencimento dos títulos ingleses é muito longo.
Mas divida é divida e se os credores perdem confiança quanto maior pior. Merece preocupação.

O "soup du jour" é o possível IPO do Facebook, o valor estimado para companhia é de U$ 75 a U$ 100 bilhões, nada mal para um jovem de 28 anos. Não tem duvida que ele teve uma ideia genial mas valer mais que Bank of America ou Mc Donalds ou Boeing para citar alguns, me parece que alguma coisa está errada!

O SP500 fechou a 1.324 com alta de 0,89% o real a R$ 1,7332 com baixa de 0,86% e o euro a 1,3162 com alta de 0,62%.
Fique ligado!